sexta-feira, 7 de setembro de 2007

AEROPORTO DA HORTA

PASSADO, PRESENTE E FUTURO


Fazendo uma resenha do surgimento e desenvolvimento de tão importante infra-estrutura para a ilha do Faial, podemos dizer que nasceu em Maio de 1968, com início das obras no terreno, que viriam a culminar com a sua inauguração a 24/08/1971, com a presença do então Presidente da República Almirante Américo Thomaz.

Em 15/01/1972 iniciou-se a sua utilização regular com a realização do primeiro voo programado pela SATA Air Açores.




O mais desejado salto, foi dado em 04/07/1985, com a realização do primeiro voo da TAP, com ligação directa a Lisboa, efectuado num boeing 737-200.

As condições de operacionalidade da pista de 1500 metros foram melhoradas em 1991 com a ampliação da pista para 1700 metros.

Obtém o estatuto de Aeroporto Internacional em 28/12/2000, atingindo assim um novo patamar.


Finalmente, em 24/08/2001, para corresponder ao aumento significativo do tráfego, é inaugurada a nova Aerogare, trazendo condições substancialmente melhoradas de operacionalidade e apresentação.

















Agora falta concretizar rapidamente a ampliação da pista anunciada pelo Sr. Presidente do Governo Regional, em mais de 500 metros, para possibilitar a sua utilização em voos de médio e longo curso, nomeadamente dos Estados Unidos, Canadá e Europa, sem penalizações para as aeronaves, viabilizando assim, a sua rentabilidade económica.



Seria uma grande prenda para os Faialenses, se ao comemorarem o 40º Aniversário do seu Aeroporto Internacional em 24/08/2011, pudessem inaugurar tal obra.


Pesquisa e texto de F.E., fotos A.V.

4 comentários:

nanda disse...

Fotos espectaculares! Gostei muito do seu blog.

geocrusoe disse...

vamos continuar unidos no objectivo da ampliação do aeroporto da Horta, mesmo quando sabemos que há promessas, estudos, garantias e várias soluções alternativas não podemos baixar os braços para os resultados das promessas, estudos, garantias ou soluções alternativas não se desvanecerem no nosso silêncio.

Anónimo disse...

Acho que a ampliação do aeroporto da horta era um desperdicio de dinheiro!! Sabemos muito bem que o aeroporto no pico iria-se gastar muito menos dinheiro na sua ampliação para voos internacionais....agora vamos por a questão... (porque é que os picoenses têm de atravessar o canal para irem para uma viagem simplesmente com um aeroporto em "casa"? Se o nosso aeroporto tem todas as condiçoes para operar A320 como o vosso...porque é que não se divide ou mesmo que fosse 3 voos plo pico e tirassem 2 do faial...era totalmente justo... afinal o canal tanto dá para la como para cá!! se os picoenses tem de atravessar o canal... porque nao sao as gentes do faial a embarcarem no pico??aqui vai esta questão...

Lc disse...

Caro anónimo, essas discussões são nos blogs do Pico, (Pico e os Aviões, ou Basalto Negro), eles é que gostam disso.
Aqui, promove-se os Açores e defende-se o triângulo, não se alimenta guerrilhas, de qualquer forma obrigado pela visita e opinião.